3 de fevereiro de 2015

Resenha #20: “Tudo ao mesmo tempo agora” – Literatura infanto-juvenil

Olá, pessoallll!! Fevereiro chegou, daqui a pouco voltam as aulas!! Então, podem morrer de inveja de mim porque as minhas só voltam em março uhuuuuuulllll. Kkkkkkkkk.
Minha faculdade é pública, então é muito provável que eles tenham ficado com preguiça de voltar as aulas mais cedo (se bem que as aulas terminaram oficialmente dia 19 de dezembro, apesar de eu ter tirado férias antes porque passei em tudo ‘-‘).
Hoje eu venho trazer a minha leitura depois de “Guerra dos Tronos”. Foi logo depois, li ainda em janeiro, mas eu resolvi trazer a resenha só agora pra variar um pouco os assuntos do blog. O livro é um infanto-juvenil que eu achei aqui em casa, é uma herança de um dos meus irmãos, hahaha. O nome é “Tudo ao mesmo tempo agora” da Ana Maria Machado.




Vem comigo!!






Sinopse:
Tudo o que Jajá queria era continuar a estudar e, quem sabe um dia, “ajudar o mundo a ficar mais direito”. Mas, por ser um garoto pobre, esse sonho era quase impossível. Logo ele, tão inteligente, esforçado. Seria justo?
Jajá deveria desistir de um namoro porque a menina era de família rica? E o que dizer da atitude daquela faxineira que trabalhava no prédio? Teria sido justa a decisão da professora que pegou Marina passando cola na prova?
Durante todo um ano, uma turma de amigos muito unidos se depara com situações inesperadas que envolvem ética, justiça, solidariedade. Valores que deixam de ser simpels temas de discussão para determinarem o comportamento de jovens como você.

O livro vai contar um ano de história da galera que estuda na escola Eça de Queirós. Primeiro nos é apresentada Marina, uma menina estudiosa que está super empolgada com esse novo ano na escola. Somos apresentados também a Jajá, apelido de Jaílson. Um menino pobre, filho de um porteiro e uma caixa, que tem uma oficina de pranchas. Ele estuda na escola porque ganhou uma bolsa por ser extremamente inteligente.
Em uma das aulas, Marina estava fazendo uma prova de inglês (os pais tinham morado fora durante uns anos) e no meio da prova uma das meninas pegou a sua prova para colar, sem o consentimento de Marina. A professora pegou e puniu todas as meninas, até mesmo Marina que não tivera culpa. Após Marina sair da sala, Jajá fez um discurso motivador e apoiou Marina.
Jajá tinha mania de justiça. Além dessa mania, tinha o fato de querer tudo na mesma hora, ser super ansioso. Daí o apelido “Jajá” porque ele quer tudo-ao-mesmo-tempo-agora (daí o título do livro).
Logo após isso, em uma festa, Jajá se aproxima da amiga de Marina, a Cíntia, que morava na cobertura. Os pais de Jajá não ficaram nada satisfeitos com a amizade dos dois e ficavam colocando medo em Jajá que se sentia cada vez mais apaixonado, porém amedrontado por sua condição social inferior.
É quando Jajá descobre que uma das moradoras do prédio, dona Mirella, uma atriz muito conhecida, foi acusada injustamente por uma empregada e a turma faz de tudo para ajudá-la no processo.



E aí, como ficou Marina depois da professora tê-la pegado passando cola, mesmo não tendo culpa? Será que o romance de Jajá e Cintia vai pra frente? E esse processo contra dona Mirella? Será que eles vão conseguir provar que ela é inocente?
A autora nos traz a questão da justiça, das diferenças das classes sociais, da relação entre rico e pobre e pretende nos mostrar também que não é todo rico que é mau caráter e que existem também pobres que querem se dar bem à custa dos outros! É uma história super leve de se ler, li em apenas algumas horas. Realmente precisei de uma história leve pra poder acalmar os ânimos da história de Guerra dos Tronos.

Só percebi que era spoiler depois de tirar a foto. Fiquei com preguiça de tirar outra e tampei o resto, hahaha


É um infanto-juvenil mas é muito bom de se ler pra intercalar com algum livro pesado que você tenha lido.

E é isso, galera, espero que vocês tenham gostado!


Um beijo e até o próximo!! 

16 comentários:

  1. Oii, nunca tinha ouvido falar desse livro :(
    Sua resenha ficou muito boa, pena que no momento não estou podendo adicionar livros na minha lista de desejados :((
    Beijão.
    http://www.garotadolivro.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!!
      Que bom que gostou! Ah, que pena, esse eu achei perdido aqui em casa, hahaha
      Beijos ♥

      Excluir
  2. O livro parece ser ótimo!
    Estou com tantos livros na minha lista de desejos, coitada da minha mãe =P

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awwnn, que bom que gostou! Coitada mesmo, hahaha
      Beijos ♥

      Excluir
  3. Olá.
    Que livro bacana. Eu sou como Jajá, super ansiosa, quero que tudo aconteça lofo.
    Acho que eu deveria ler esse livros, apesar de já ter lido muitos outros que abordam a a ansiedade.
    E assim como o personagem principal não gosto de injustiças. rs...
    Me identifiquei muito com o personagem principal.
    Beijos

    http://www.leituradelua.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Lua!! Que bom que gostou!
      Sério? É tão bom quando a gente se identifica com o protagonista!!
      Beijosss ♥

      Excluir
  4. O livro parece ser ótimo, tenho tantas livros pra comprar esse ano porque não tem na biblioteca da minha escola que já estou até tendo dó da minha mamãe :P

    www.quasedezesseis.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, My! Que bom que gostou!! Hahaha, eu sei bem como é, hahaha
      Beijos ♥

      Excluir
  5. Tenho esse livro hehe realmente é um infanto-juvenil muito muito bom! Ótima resenha, Ca!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jura??? Achei que ninguém tinha ouvido falar! Hahahaha
      Que bom que gostou da resenha, Ni!
      Beijos ♥

      Excluir
  6. Oie, Carol!
    Nunca tinha ouvido falar sobre o livro, mas o achei um amor. O tipo que eu adoraria ter lido quando comecei a amar ler hahaha Mas por que não ler agora? Vou ver se encontro na biblioteca pública da minha cidade s2
    Carol, tenho uma proposta: cê quer virar parceira do Me Livrando? É que gosto muito daqui e de você também. Hahah
    Tem post novo aguardando você no MeL!

    Com carinho,
    Celly.

    Me Livrando

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Celly!!
      Jura? Que bom que gostou! Hahaha. Procure sim, provavelmente irá achar!!
      Claaaaaaaro, vou enviar um e-mail pra você assim que possível (estou atarefada demais, hahaha).
      Já estou indo lá, linda
      Beijos ♥

      Excluir
  7. Oie Carolina, Invejinha de você >< minhas aulas voltam nessa segunda :(
    Adorei a resenha,não conhecia esse livro,e amei ele,ele e bem pequeno pelo que vi,mas gostei da historia <3
    Vou ler (se eu achar kkk).
    Beijos

    Cantinho da Bruna | @cantinhodabruna

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Bruna!!
      Aaaahhh, que pena, hahaha
      As federais vão voltar somente em março!
      Que bom que gostou, fiquei feliz! Procure sim, na biblioteca pode ser que tenha
      Grande beijo, linda ♥

      Excluir
  8. Ahh esse livro fez parte do meu tempo de escola.. Vivia pegando ele na biblioteca pra ler mesmo já tendo lido umas 500 vezes, mas eu adoro as histórias da Ana Maria e também era fascinada pelo ilustrador do livro.. Eu sempre ficava imaginando o depois da história e vontade de que se tornasse uma serie enfim, eu tenho que um dia comprar esse livro em um sebo (esse da capa antiga, pois nao é mais assim) pra guardar pra dar um dia aos meus filhos (ou sobrinhos) como guardo alguns haha... Adorei ver o pessoal em pleno 2015 ainda descobrindo esse leitura gostosa e agardavél (e fantástica tbm) em meio a tantas séries da moda rsrs

    ResponderExcluir
  9. Oi Carolina! Eu acabei hoje de ler esse livro e achei super interessante, prende a pessoa! Eu o comprei em um sebo de livros, me chamou a atenção por ter sido escrito pela Ana Maria Machado, que eu sou fã.

    ResponderExcluir

→ Se for seguir o blog, me avise o mais rápido possível pra que eu possa retribuir!
→ Deixe o link do seu blog para que eu possa visitá-lo
→ Volte sempre ♥

Layout por Maryana Sales - Tecnologia Blogger